Encontre seu Passeio



Mais Lidos




Banner_left_Argentina
Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo 1

Uruguai: o que mais gostei morando em Montevideo

Neste mês lançamos as nossas esperadas Entrevistas com Brasileiros que moram no Uruguai. Aqui eles vão contar um pouco sobre suas experiências no Uruguai e falar sobre aspectos curiosos, que quem está de fora não conhece.

Entrevista Brasileiros no Uruguai: Diego Lando

Nosso entrevistado do mês é o Diego Lando, que viveu no Uruguai por dois anos e conta aqui sua percepção sobre o Uruguai, o que mais gostou e do que sente mais saudade.

 

Quando você foi morar no Uruguai?

Diego: Mudei para o Uruguay em janeiro de 2014.

Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo

 

Por que você foi morar no Uruguai?

Diego: Fui transferido pela empresa em que trabalho, considerei uma ótima proposta profissional e também pessoal.

 

Antes de ir morar lá, você tinha alguma informação sobre o país? 

Diego: Apesar de ser gaúcho, não tinha muito conhecimento sobre o Uruguay, nada além dos free shops da fronteira (Rivera, Artigas, Rio Branco e Chuy). Porém antes de aceitar a proposta de transferência, passei uma semana em Montevideo conhecendo a cidade. Foi o suficiente para me encantar e bater o martelo.

Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo

 

Quais eram suas expectativas quando soube que ia se mudar?

Diego: Foi a primeira vez que morei fora do Brasil, então a expectativa era muito grande, de como me adaptaria a cultura, língua, gastronomia. Como seria viver sozinho em outro país, deixando para trás amigos e família. Mesmo o Uruguay fazendo fronteira com o Rio Grande, a cultura é extremamente diferente.

 

Chegando no Uruguai, o que mais te chamou a atenção?

Diego: Lembro até hoje do primeiro dia que cheguei a Montevideo, começando pelo aeroporto e sua arquitetura (um dos mais lindos que conheci), passando por Carrasco e percorrendo toda Rambla até Punta Carretas. Este “passeio” de 26 km me fascinaram. Montevideo tem uma mescla de passado e presente muito expressiva que encanta a todos.

Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo

 

Como foi alugar uma casa em Montevideo?

Diego: Pela politica da empresa, eu poderia ficar morando em hotel por três meses. Porém em 15 dias já estava comprando os talheres para a casa nova. O processo mais difícil foi escolher um apartamento de frente para Rambla ou para o Parque Rodó (risos).  O processo burocrático não foi difícil, mesmo sendo estrangeiro e sem residência permanente finalizada, fiz um deposito calção e já estava assinando o contrato. Mais uma característica do uruguayo “buena onda” e receptivo.

 

E fazer amigos?

Diego: Bah, este quesito foi complicado (risos), apesar de ser um povo receptivo com turistas, os uruguayos também são muito enraizados em suas culturas, o que me pareceu ser um grande obstáculo para fazer amigos.  Porém depois da adaptação já estava mateando igual uruguayo.

 

Do que mais sentia saudade quando vivia em Montevideo?

Diego: O período mais difícil foi durante os invernos, o tempo fica cinza e parece que influencia no humor dos uruguayos (risos) ficam mais fechados e caseiros. Sentia falta dos happy hours com os amigos depois do trabalho, do ritmo acelerado de São Paulo. Às vezes me assustava com a calma e serenidade de Montevideo (coisa de louco mesmo).

Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo

 

Sobre a cultura uruguaia, teve algum aspecto que você achou estranho?

Diego: Apesar de sermos Hermanos fronteiriços a cultura é bem distinta, deste o ato de cumprimentar uma pessoa (homens dão beijo na bochecha entre eles), até mesmo a gastronomia – maravilhosas, diga-se de passagem, mas comer miúdos é bem estranho.

 

Ainda sobre a cultura uruguaia, teve algum aspecto que você achou muito legal?

Diego: A cultura uruguaia como um todo é fascinante, o ato de beber mate em qualquer lugar que você esteja (bem gaúcho) e o mais duradouro carnaval do mundo com suas Comparsas e Murgas.

 

Uma comida preferida.

Diego: O Uruguay tem uma vasta gastronomia e ótimos restaurantes, acho que foi uma das coisas que mais me ajudou a aguentar a saudade do Brasil (risos), virei fã da Parilla e das empanadas quentinhas que eu comprava na loja de conveniência perto de casa.

 

Hoje, de volta ao Brasil, do que você sente mais falta?

Além de tudo que já citei acima, uma das coisas que mais sinto falta é dar uma caminhada na Rambla no final do dia e ficar “fazendo nada” só admirando um dos mais lindos pores-do-sol que eu conheço.  E claro dos meus amigos uruguayos que me acolheram e fizeram com que eu fizesse parte daquilo tudo.

Uruguai o que mais gostei morando em Montevideo

 

Os Passeios Mais Vendidos

Gostou? Dê sua avaliação: 1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
Loading...
Gostou dessa matéria? Veja também artigos sobre a Argentina


Exibir botões
Esconder botões